5 pontos-chave do YOGA: #2 Respiração

5.1.15

RESPIRAR

O Yoga ensina-nos a usar os nossos pulmões na sua capacidade máxima e a melhor forma de controlar a respiração. A respiração correta deve ser profunda, lenta e rítmica, isso aumenta a vitalidade e clareza mental.

A maioria das pessoas usa apenas uma fracção da sua capacidade pulmonar para respirar, respirando superficialmente, quase sem nenhuma expansão da caixa torácica. Normalmente estas pessoas (eu incluída quando fico muito tempo a baldar-me aos treinos) têm os ombros curvados (erradamente), têm uma tensão dolorosa na parte superior das costas e pescoço e sofrem com a falta de oxigênio, dormindo mal, com fraca concentração etc. Todos deveriam aprender a respiração yogui completa.

Existem três tipos de respiração

1. Clavicular
A respiração é superficial e representa o pior tipo possível de respiração. Os ombros e clavícula são levantados enquanto o abdômen é contraído durante a inalação. Máximo esforço para uma quantidade mínima de ar obtido.
2. Torácica
A respiração é feita com os músculos das costelas, que expandem a caixa torácica, e é o segundo tipo de respiração incompleta.
3. Abdominal
A respiração abdominal profunda é melhor, porque leva o ar até à parte mais baixa, maior e mais profunda dos pulmões. A respiração profunda é lenta e leva ao uso adequado do diafragma.

Na verdade, nenhum destes três tipos são completos, a respiração yogui completa surge combinando todos as três, começando com uma respiração profunda e continuando a inalação através das áreas intercostais e clavicular.

Aprender a Respiração Abdominal
Deite-se de costas e use roupas folgadas, coloque as mãos na parte superior do abdomen, onde se localiza o diafragma. Inspire e expire lentamente. O abdomen deverá expandir-se para fora ao inspirar e contrair-se ao expirar. Tente sentir esta sequência.

O mais importante sobre boa respiração é o Prana, ou energia sutil da respiração vital e o Pranayama é o conhecimento e controle do Prana. O controlo da Prana leva a um controlo da mente.



Sem comentários:

Enviar um comentário

QUER SABER O QUE É NATUROPATIA? ESTÁ AQUI, TROCADO POR MIÚDOS.

A pertinência deste artigo deve-se, não só mas também, a ultimamente ter tido algumas conversas sobre Naturopatia e, apesar de na maior pa...

AddThis